Ficha prática #23

Livro-teatro silencioso

O QUE É UM LIVRO SILENCIOSO…
E UM LIVRO-TEATRO SILENCIOSO?

Os livros silenciosos são livros que narram exclusivamente através de imagens. Estes livros podem, portanto, ser “lidos” por todos de forma diferente, porque não têm linguagem ou idade, pelo que mesmo aqueles que não conseguem ler ou têm dificuldades de aprendizagem podem usar livros silenciosos que são compreendidos por todos, mas acima de tudo interpretados.

A “leitura” da história é dada pela interpretação das ilustrações através das nossas próprias palavras. No entanto, a falta de palavras não deve ser enganosa porque a história narrada nestes livros segue um guião real. Na relação que é criada entre professor/narrador e criança/ouvinte, a história tem um forte poder criativo que estabelece uma ligação realmente profunda. As imagens silenciosas incentivam a VOZ do narrador e, portanto, a criação de linguagem pessoal. Um livro silencioso requer uma grande capacidade de contar histórias.

Inspirados nestes livros silenciosos, as Gémeas Grimm (dupla artística) criaram um workshop criativo para realizar um livro de silêncio pessoal que é, em primeiro lugar, um verdadeiro livro de artistas e, portanto, uma expressão direta de cada criança. Um livro silencioso é construído e narrado pela força criativa de cada criança. O contar através das imagens do livro mudo requer uma grande empatia, e uma espécie de identificação com as várias personagens, e será o contador de histórias a descobrir as suas vozes, procurando-as também dentro de si.

POR QUE É IMPORTANTE?

O conto torna-se o meio através do qual o professor chega emocionalmente às crianças e as envolve.

Fazer um livro silencioso juntos é uma experiência completa, não apenas um simples trabalho manual. Um caminho que parte da história e do diálogo entre as crianças e o professor, continua com a construção do livro baseado na história e termina com o uso do livro como teatro.

Depois de narrar o conto escolhido, o professor envolverá as crianças na criação de um livro de artistas onde a história, com os seus cenários e personagens, será criada por crianças.

Este livro torna-se uma extensão, tanto do conto oral (as palavras materializam-se com formas e cores) como da criança que encontrará neste meio particular, um instrumento de expressão muito válido.

Um workshop de um “livro-teatro silencioso” tem um forte valor lúdico e permite que as crianças expressem as suas emoções, sentimentos e necessidades, para experimentar e explorar as suas habilidades de forma protegida.

A construção do seu próprio “livro mudo” (ou “cenário teatral”) aumentará a consciência das crianças sobre as suas capacidades expressivas e interpretativas. As silhuetas das personagens que as crianças vão personalizar, tornam-se uma extensão do seu próprio ser.

O “MÉTODO LIVROCRIANÇALIVRO”

WORKSHOP

  • Para a concretização do cenário e das silhuetas da história com crianças, vamos utilizar o “método LIVROCRIANÇALIVRO” criado pela dupla artística Grimm Twins em 2011, um workshop sobre como fazer livros de artistas.
  • A criação do “livro mudo” tem um valor lúdico e criativo, é capaz de estimular as crianças e dar-lhes um meio adicional de interagir com os outros e com o ambiente, bem como um meio de expressão “poderoso” (“AFETIVO/EMOCIONAL, CRIATIVO/EXPRESSIVO, COGNITIVO. SOCIALIZADOR, SIMBÓLICO E TERAPÊUTICO” p. 203 Marina De Rossi “Didattica dell’animazione. Contesti, metodi, tecniche. Nuova edizione”, Carocci Editore, Roma2019)
  • O professor deve preparar o kit que as crianças podem usar de acordo com a sua capacidade criativa. O kit gráfico conterá as personagens da história e o ambiente onde ocorre (exemplo: a floresta, um castelo, etc.).
  • O professor pode desenhá-los da forma mais simples, talvez apenas fazer modelos simples a preto e branco que serão impressos em cartões de duas cores diferentes: um neutro (marfim ou creme) e o outro com uma cor para escolher (azul, vermelho, etc.). É importante usar apenas duas cores! Uma vez desenhados as personagens e os elementos da paisagem (por exemplo, árvores, flores, casas, etc.) devem ser compostos numa ou duas páginas de forma ordenada, de acordo com a sequência da história, para que as crianças possam mentalmente”contar” umas às outras a história durante a realização do seu “livro-teatro silencioso“.

MATERIAIS

  1. Uma folha A3 de 220 g a ser dividida longitudinalmente. O retângulo assim obtido deve ser dobrado ao meio e, em seguida, novamente ao meio, de modo a ter um efeito de acordeão. Este apoio formará a base do nosso livro silencioso e é chamado de “leporello“.
  1. Neste ponto, as crianças cortarão as personagens e os objetos da cena e adicioná-los-ão ao livro colando-os de acordo com a sequência pré-estabelecida.
  1. Isto permitirá que cada criança, durante a criação do seu próprio livro, conte a história.

1. Corte longitudinalmente e dobre ao meio. O “leporello”

👉 Veja o tutorial como fazer “cinema mudo” para contar as histórias!!! https://youtu.be/yoEPZwBGb-k

👉 Veja o tutorial de contar a história com o “silent book-theatre” https://youtu.be/FwuEknGEdTM

A GESTÃO DO TEMPO

AS CRIANÇAS PRECISAM DE TEMPO!

O TEMPO é um elemento fundamental para as crianças.

Será um “tempo descontraído”. As crianças também farão silhuetas (as duas personagens principais da história) e as colocarão em paus como marionetas para que as possam mover livremente e usá-las para a narrativa.

O livro, criado desta forma, torna-se, de facto, uma espécie de cenário teatral onde a criança pode encenar a história e a história oral pode, portanto, também ser acompanhada por uma história “animada e visual”.