Os dez anõezinhos da Tia Verde-água

Era uma vez uma mulher casada, mas que se dava muito com o marido. Isso porque não trabalhava nem conseguia cuidar da casa. Começava uma coisa e logo passava para outra, tudo ficava a meio. Quando o marido vinha para casa, depois de um longo dia de trabalho, não tinha...

Lenda do Milagre das Rosas

Chegara o mês de janeiro. Em Coimbra, as casas das monjas de Santa Clara, quase destruídas pelas cheias do Mondego, reconstruíram-se rapidamente. Isso fora possível porque a rainha Dona Isabel velava por elas. Quando algum desgraçado se via sem pão dentro dum lar...

Lenda da Moura Floripes

No sítio do Moinho do Sobrado, havia antigamente uma casa, onde aparecia à janela, noite fora, uma formosa mulher vestida de branco.O único que se atrevia a andar por aquelas bandas à noite era um sujeito de meia idade – o compadre Zé – que se embriagava e...

O Pinto borrachudo

Era uma vez um pinto borrachudo que andava a esgravatar num monte de terra e achou lá uma bolsa de moedas e disse: – Vou levar esta bolsa ao rei. Pôs-se a caminho com a bolsa no bico mas, como tivesse de atravessar um rio e não pudesse, disse: – Ó rio, arreda-te para...

O Menino gão de milho

  Era uma vez uns casai que não tinha filhos. A mulher tanto pediu a Nossa Senhora que lhe desse um filho ainda que fosse do tamanho d’um grão de milho, que ao fim de nove meses ela pariu um filho, mas tão pequeno, tão pequeno que era mesmo do tamanho...